Sinfonia Amazônica

Dedicado ao projeto de restauração do primeiro filme em longa metragem, no gênero de animação, realizado no Brasil e na América do Sul (1953). Um filme de Anélio Latini Filho.



Quarta-feira, Agosto 06, 2008

A proposta do projeto de restauração do filme “Sinfonia Amazônica”, é de preservar a sua memória e recolocá-lo em circulação.

O filme foi realizado por Anélio Latini Filho, em colaboração com seu irmão Mario Latini. Foram necessários cinco anos para a conclusão deste filme, que contou com o auxílio de seus irmãos para a composição de parte dos temas musicais e para o preenchimento dos desenhos. Mario Latini foi responsável pela produção e fotografia do filme, utilizando uma simples câmera Ernemann Krupp.

O filme começou a ser rodado em 1947, em preto & branco, quando o folclorista Joaquim Ribeiro entregou ao jovem desenhista Anélio Latini Filho o argumento sobre as lendas do Amazonas. Antes de fazer a cenarização, Anélio teve que estudar toda a fauna, a flora e, principalmente, a mitologia amazônica. Graças a isso, conseguiu transportar para a tela todo o mistério e todo o lirismo das histórias do folclore amazonense.

Para que a obra se concretizasse foram feitos 500.000 croquis, milhares e milhares de desenhos, cenários às centenas, pintados em folhas de acetato ou em papel opaco. Os personagens foram também desenhados em acetato e posteriormente sobrepostos aos cenários. Em 1953, finalmente, o filme chegou as telas de cinema.
“Sinfonia Amazônica” tem 18 personagens e dezenas de extras, distribuídos ao longo da narrativa de 7 lendas amazônicas.

Sinfonia Amazônica foi um marco da cinematografia nacional, no gênero de animação, e representou para o cinema brasileiro um esforço ímpar, notadamente pelas dificuldades financeiras enfrentadas pelos irmãos Latini para a sua concretização, uma vez que o cinema brasileiro era muito incipiente, e no gênero de animação só se exibiam produções estrangeiras.

Atualmente, as matrizes existentes de Sinfonia Amazônica carregam inúmeros problemas, sendo necessária uma restauração completa do som e da imagem originais do filme, como forma de reconduzi-lo à circulação pública e torná-lo conhecido das novas gerações.

A empresa ARWEL ART (www.arwelart.com.br) está captando recursos, por meio de patrocínio cultural para a realização deste projeto de restauração.

Sinfonia Amazônica será restaurada pela NUCLEO 12 (www.nucleo12.com), com tecnologia de última geração.

postado por: RICARDO MARTINO 10:05 PM



postado por: RICARDO MARTINO 8:22 AM



postado por: RICARDO MARTINO 8:21 AM



postado por: RICARDO MARTINO 8:19 AM



postado por: RICARDO MARTINO 8:19 AM



postado por: RICARDO MARTINO 8:18 AM



Segunda-feira, Agosto 04, 2008

A pergunta que não quer calar: Como nenhuma empresa genuinamente brasileira até hoje não se interessou em patrocinar a restauração de uma obra tão atual e importante?

Respostas... quero respostas!!! URGENTE!!!

postado por: RICARDO MARTINO 3:57 PM




arquivo